O prefeito e vice-prefeito estiveram em visita ao CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e aproveitaram o momento para conversar com a equipe que desenvolve o Programa "Criança Feliz" em Itápolis. O trabalho consiste em levar orientações sobre aspectos cognitivos, socioafetivos e de saúde, na primeira infância, para 60 famílias itapolitanas em situação de vulnerabilidade social.

A Secretaria de Desenvolvimento Social e a equipe do CRAS apoiam as ações que, de acordo com o protocolo do programa, atende famílias com filhos de até 3 anos de idade ou até 6 anos para os casos que recebam o BPC (Benefício Prestação Continuada), levando instruções sobre o desenvolvimento integral das crianças, considerando seu contexto de vida.

O "Criança Feliz" é um programa do governo federal ao qual o município de Itápolis aderiu em 2017. A equipe técnica é formada por coordenadora, supervisora e visitadores (estagiários de Serviço Social e Psicologia contratados pela Prefeitura Municipal) e também existe um Comitê Gestor.

A escolha das famílias visitadas é definida a partir da lista do Ministério de Desenvolvimento Social, considerando se pertencem ao CadÚnico e se recebem Bolsa Família. Com essa listagem, é realizada a busca ativa das pessoas que participam destes programas sociais, que passam a receber as visitas domiciliares e participam de reuniões em grupos.

"Este é mais um importante programa social desenvolvido em Itápolis, só que com foco na primeira infância. Trada-se de um investimento no ser humano, com isso, toda sociedade ganha, porque nossas equipes estão auxiliando na melhoria da qualidade de vida dessas famílias", disse o prefeito.

Imprensa Prefeitura de Itápolis