Preocupada com a reativação do Matadouro Municipal, a Prefeitura de Itápolis, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário, juntamente com a ASSAI - Associação dos Açougueiros de Itápolis, o médico veterinário do município e fiscais federais e médicos veterinários do Ministério da Agricultura, debateram o assunto em uma reunião em São Paulo no último dezembro.

O encontro ocorreu na sede do SIPOA (Sistema de Inspeção de Produtos de Origem Animal) que é um órgão ligado ao Ministério. O objetivo foi esclarecer todas as pendências apontadas, para que medidas necessárias sejam tomadas e o Matadouro possa voltar a realizar o abate de animais. “Nosso objetivo é resolver essa situação para que o município volte a ter esses serviços de maneira adequada, atendendo as exigências legais”, explicou o secretário da pasta. 

Imprensa Prefeitura de Itápolis