Preocupados com a utilização de cerol e linha chilena nas brincadeiras de pipa, principalmente neste período de férias, a Guarda Civil Municipal e o Departamento de Trânsito de Itápolis estão trabalhando, conjuntamente, para prevenir acidentes envolvendo estes materiais.

Segundo o diretor municipal de Trânsito, a Polícia Militar tem fiscalizado a utilização do cerol e da linha chilena na cidade. O objetivo é aumentar essa rede de atuação, reunindo outros órgãos para planejar mais ações. “A Guarda Municipal realiza palestras nas escolas para orientar os alunos sobre o perigo que o cerol representa, por se tratar de uma mistura de cola e vidro moído”, disse o comandante da GCM.

Mas, todos os cidadãos são convidados a se engajarem neste trabalho de conscientização, visando evitar acidentes - que podem até levar a morte - onde as principais vítimas são os motociclistas, ciclistas e até pedestres.  É importante lembrar que o uso do cerol é proibido por lei.

“Os pais e responsáveis devem conferir se a pipa de seus filhos estão com este tipo de material. Porque, se um menor de idade for flagrado utilizando cerol ou linha chilena, os pais podem ser responsabilizados pelo ato do menor”, lembrou o comandante da Guarda.

Recomendações sobre o uso de Pipas

- Pipas devem ser empinadas longe da rede elétrica e, de preferência, em espaços abertos como praças, parques e campos de futebol. Isso evita interferências na qualidade do fornecimento de energia elétrica, serviço telefônicos e em antenas;

- A utilização de “rabiolas” deve ser evitada, pois elas agarram nos fios elétricos, desligando o sistema e provocando choques;

- Utilizar papel alumínio na confecção de pipa é perigoso, já que o contato com os fios provoca curtos-circuitos;

- Caso a pipa enrosque em fios de energia elétrica, é melhor desistir do brinquedo. Subir em telhados ou postes para recuperá-las representa risco de choque, assim como tentar removê-las com canos ou bambus;

- Não é indicado soltar pipas em dias de chuva. A pipa funciona como para-raios, conduzindo energia;

- Linhas metálicas não devem ser usadas no lugar da linha comum, porque podem provocar choques elétricos.

Imprensa Prefeitura de Itápolis