Na manhã deste domingo (2/12) foi oficialmente inaugurado o totem de Itápolis, no Ramal Centro Paulista, do “Caminho da Fé”. Localizado em frente à Igreja Matriz do Divino Espírito Santo, este será o marco do município para os peregrinos.

Antes da inauguração, um grupo de pedestres percorreu 5 km e outro de ciclistas 25 km, iniciando o trajeto dentro de Itápolis. Após a cerimônia ocorreu o almoço beneficente com renda revertida ao Abrigo Rainha da Paz, organizado pelo Sindicato Rural. Os participantes também colaboraram com a doação de litros de leite, que serão revertidos ao Grupo São Peregrino.

O prefeito de Itápolis ressaltou a importância da cidade passar a integrar o Caminho da Fé: "ao receber os peregrinos, que utilizarão hotéis, restaurantes, padarias, lanchonetes, farmácias entre outros setores do comércio local, teremos uma movimentação diferenciada, gerando mais desenvolvimento para o município".

Com 204 km de extensão, o Ramal Centro Paulista se inicia em Borborema passa por Itápolis, Ibitinga, Tabatinga, Nova Europa, Gavião Peixoto, Trabiju, Boa Esperança do Sul, Ribeirão Bonito e chega a São Carlos, de onde se interliga com outros ramais percorridos pelos peregrinos rumo ao Santuário Nacional de Aparecida.

O Chefe do Executivo também destacou a união dos municípios envolvidos na busca soluções conjuntas. "O Caminho da Fé e a formação do Consórcio Intermunicipal estão possibilitando a aplicação de medidas que resultem em melhorias para as cidades", pontuou.

Já o secretário de Cultura e Turismo que atuou, diretamente, na inserção de Itápolis no Ramal Centro Paulista, citou o trabalho do COMTUR (Conselho Municipal de Turismo) nessa conquista. "Não só nessa, mas também na do MIT ( Município de Interesse Turístico). Nesse ano conseguimos colocar Itápolis no mapa do turismo, fato agregador para projetar o nome da cidade, atrair investimentos e turistas e, consequentemente, gerar emprego e renda. Este é só o início desta empreitada", finalizou.

O Caminho da Fé foi inspirado no milenar Caminho de Compostela e objetiva oferecer pontos de apoio para os peregrinos, que ao passarem - a pé ou de bicicleta - por cada cidade, carimbam um cartão que comprova a experiência vivida. As motivações para percorrer este caminho são variadas: pela fé, pelo esporte, pela aventura, pela superação, por um momento de reflexão e por tantas outras razões.

Imprensa Prefeitura de Itápolis