CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR O HINO

(Intérprete Lauder Anuar)


Hino a Itápolis

Letra por Júlio da Silveira Sudário

Melodia por José Toledo de Mendonça
Lei 1925, de 27 de junho de 2000


No esplendor singular dos poentes,
Ou no encanto dos teus dias claros,
Contemplando os sonhos ridentes,
Que sonharam um dia os Amaros.

Guardarás para sempre na mente,
Nos momentos de mágoa ou prazer,
A expressão sempre e sempre eloqüente,
Do teu lema "Lutar e Vencer"

Teu passado que encerra a nobreza
Do teu sangue paulista, nos traz
A encantada e vibrante certeza
De que breve grandiosa serás.

Guardarás para sempre na mente,
Nos momentos de mágoa ou prazer,
A expressão sempre e sempre eloqüente,
Do teu lema "Lutar e Vencer"

Sob o pálio auriverde que encerra
Desta Pátria a esperança e a riqueza,
Hás de honrar com certeza esta terra,
Hás de honrar o Brasil com certeza.

Guardarás para sempre na mente,
Nos momentos de mágoa ou prazer,
A expressão sempre e sempre eloqüente,
Do teu lema "Lutar e Vencer”